(Fonte da imagem: iStock)
O engenheiro paquistanês Agha Waqar Ahmed anunciou uma descoberta que pode ser a solução para a crise de energia de seu país. De acordo com jornais locais, Ahmed teria dirigido um carro movido a água no final de julho, na frente de uma plateia composta por membros do governo paquistanês, cientistas e jornalistas na capital do país, Islamabad.

Segundo Ahmed, o segredo de sua descoberta estaria no processo da eletrólise, no qual uma corrente da bateria passa por meio da água destilada, separando o hidrogênio e o oxigênio presentes na estrutura molecular da água. A partir daí, o motor poderia utilizar o hidrogênio resultante da quebra para alimentar o carro.

O anúncio, no entanto, não convenceu autoridades científicas do país. De acordo com Khurshid Hasanain, chefe do departamento de Física da universidade de Quaid-i-Azam, em Islamabad, a descrição do processo inventado por Ahmed não faz sentido. De acordo com as leis da termodinâmica, queimar o hidrogênio resultante da eletrólise não pode gerar mais energia do que a necessária para realizar o processo de quebra das moléculas de água.

Fonte: Time