Embora se pareça com uma estranha mistura de sanitário e lancha (com tempero futurista), o Sim-Lei é, na verdade, um novo modelo de veículo elétrico. Por trás do visual peculiar, um consórcio de 34 empresas, em conjunto com a Universidade de Keio, apresentou diversas soluções para barreiras tecnológicas comuns em motores elétricos.

O Sim-Lei desafia os limites de distância máxima percorrida por um carro elétrico ao introduzir uma nova aerodinâmica e um sistema de recarga ativado durante as frenagens, otimizando ainda a utilização da bateria. Como resultado, o grupo afirma que o bólido é capaz de viajar 190 milhas (mais de 300 km) a aproximadamente 60 mph (cerca de 100 km/h), utilizando uma bateria de 24,5 kW.

Um carro conceito? Não mesmo. Apesar do visual excêntrico, o Sim-Lei deve chegar às ruas no ano que vem. Para mais tecnologia e carros de formato duvidoso, fique ligado no Tecmundo.