A abertura dos Jogos Olímpicos sempre termina com um dos momentos mais icônicos de todo o evento; a hora de acender a pira olímpica. Seja com a flecha incendiada em Barcelona ou os fogos de artifício em Pequim, o momento costuma chegar cercado de expectativa e Tóquio não quer ficar para trás nesse sentido.

Sede das Olimpíadas de 2020, a capital japonesa pode utilizar um carro voador para levar o fogo olímpico até a pira onde ele queimará durante todos os dias dos jogos. A ideia é de um grupo de engenheiros chamado de Cart!vator, que está trabalhando em um protótipo funcional, de acordo com uma reportagem do jornal The Asashi Shimbum.

Sede das Olimpíadas de 2020, a capital japonesa pode utilizar um carro voador para levar o fogo olímpico até a pira.

A apresentação costuma ser um momento de enaltecer a cultura do país, como o próprio Japão já mostrou durante o encerramento no Rio, quando transformou o primeiro ministro Shinzo Abe no Mario. E nada mais japonês do que um automóvel voador, certo?

De acordo com o fundador do grupo, o engenheiro Tsubasa Nakamura, a versão final pode servir para ajudar a resgatar pessoas feridas em desastres naturais, onde o acesso ao local nem sempre é fácil. Se o plano atual der certo, esse modelo deve ter 2,9 metros de comprimento e 1,3 m de largura.

O primeiro protótipo do carro voador (que você vê aí em cima) foi exibido pelo Cart!vator em 2014. Ele consegue ficar no ar por cerca de 5 segundos em uma altura de até 1 metro. O maior desafio será conseguir o dinheiro necessário para dar prosseguimento à pesquisa; eles estimam que devem precisar de mais 30 milhões de ienes (R$ 900 mil) para concluir o projeto a tempo.