Esquema rígido de segurança não impediu incidentes isolados. (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Entrar e sair da Campus Party Brasil 2012 não é uma tarefa simples. Para entrar, é preciso ter sido credenciado e estar utilizando um crachá, que é conferido atentamente via código de barras. Além disso, se você está com algum tipo de equipamento, é preciso fazer o registro dele e o código precisa ser validado cada vez que você deixa a Arena principal.

Contudo, isso infelizmente não foi o suficiente para impedir alguns incidentes isolados no evento. Segundo informações da segurança, pelo menos três notebooks, um tablet e uma filmadora profissional da Intel foram furtados durante os três primeiros dias de eventos.

Além da conferência via código de barras, os participantes também precisam passar por detectores de metais e, em alguns casos, passam por revista pessoal na entrada e na saída do evento. Outros incidentes registrados acabaram revelando que o esquema de segurança é eficiente, já que houve casos em que o equipamento desaparecido foi recuperado.

Cupons de desconto TecMundo: