Joaquim Venâncio, CEO e idealizador do Ticies (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Que tal ser dono de sua própria cidade? É isso que a rede social Ticies está oferecendo para milhares de usuários em todo o planeta. Criado por Joaquim Venâncio (ex-Chefe de Canais do Banco do Brasil), o sistema do Ticies funciona da seguinte maneira: estabelecimentos comerciais de todo o mundo podem ser cadastrados para que consumidores tenham acesso a informações sobre restaurantes, lanchonetes, médicos e muito mais.

Mas onde entra a "compra da cidade"? Para que os estabelecimentos possam ser cadastrados é necessário que a cidade deles já possua um dono (que é a pessoa responsável por moderar tudo o que tenta ser inserido nas páginas do Ticies). Esse dono precisa adquirir o título em um leilão.

Ou seja, se você entrar na página do serviço, procurar por uma cidade e ela ainda não tiver dono, você pode dar o seu lance. A partir do primeiro lance, serão 120 horas de leilão até que o maior deles seja considerado o vencedor. O dono de cada município terá a responsabilidade de organizar os temas cadastrados e, em troca, ganha 51% de toda a receita gerada pelo local.

Ampliar (Fonte da imagem: Reprodução/Ticies)

E de onde vem esse dinheiro? Qualquer estabelecimento pode se cadastrar no Ticies de maneira gratuita em um pacote básico. Mas caso queira comprar mais espaço, tendo direito a outras funcionalidades, pode optar por versões Ouro ou Platina. O valor delas varia de acordo com cada cidade (mais de 400 delas já foram compradas).

Nós conversamos com o CEO do Ticies, Joaquim Venâncio, que está na Campus Party Brasil 2012. Ele disse que o site está no ar há poucas semanas, mas as versões portáteis já estão sendo desenvolvidas pela empresa. Caso queira acessar o site, que é 100% nacional, basta clicar aqui.

Cupons de desconto TecMundo: