A respeitada marca alemã Leica, famosa por empregar trabalho manual na fabricação de suas câmeras analógicas, decidiu comemorar os 60 anos do lançamento de um de seus modelos mais icônicos, a Leica M3. Para isso, a companhia apresentou o modelo Leica M Edition 60, o qual conta com um visual clássico e todos os recursos da fotografia moderna.

Contudo, esse não foi o único lançamento anunciado pela marca. Recentemente, os modelos X, D-Lux e V-Lux também saíram do papel. A tática de relançar modelos populares de câmeras compactas da Panasonic com novos recursos digitais está deixando os fãs do mundo da fotografia bastante entusiasmados.

Os modelos X (Type 113) e X-E (Type 102) são baseados, respectivamente, nos moldes das câmeras X1 e X2, e contam com um sensor APS-C de 16 megapixels. O X-E não trouxe tanta inovação quanto o seu antecessor, apresentando uma lente 24mm f/2.8 contra a lente 23mm f/1.7 da popular série f/2 X100 da Fujifilm. Além disso, os modelos X são os únicos que são capazes de realizar gravações de vídeo.

O Leica V-Lux (Typ 114) traz semelhanças com o Panasonic's FZ1000 superzoom, enquanto o D-Lux (Typ 109) é claramente baseado no modelo Lumix LX100. Entretanto, se a tecnologia digital não é a sua praia, foi anunciado também o modelo Leica M-A, uma câmera totalmente mecânica com sistema rangefinder, um tipo de óptica para verificar a distância entre o aparelho e um determinado ponto.

Informações sobre os valores não foram divulgados, porém, segundo especulações e históricos da marca, podemos esperar preços elevados por uma câmera dotada de um visual nostálgico com um software moderno.

Cupons de desconto TecMundo: