Ampliar (Fonte da imagem: Reprodução/Bonhams Auctions)

Se você é fotógrafo profissional, entusiasta ou simplesmente alguém que gosta de fotos, vai ficar de queixo caído com a raridade que vai a leilão no dia 22 de novembro em Hong Kong: uma Leica Luxus II, datada de 1932, banhada a ouro.

A câmera pertencia a um fotógrafo britânico amador que a adquiriu logo após o final da Segunda Guerra Mundial e a utilizou por muitos anos. Obviamente, a configuração dela é bem inferior aos modelos de mesma categoria que temos hoje, como a lente Elmar de 50 mm f/3.5.

A Leica Luxus II faz parte de uma edição limitadíssima, com apenas quatro modelos produzidos — sendo que o paradeiro das outras três câmeras é desconhecido. Ela é acompanhada de um estojo produzido com couro de crocodilo.

Especialistas avaliam o aparelho entre £ 500 mil (R$ 1,7 milhão) e £ 800 mil (R$ 2,8 milhões). Contudo, Jon Baddeley, diretor da Bonhams Auctions, empresa que será responsável pelo leilão, acredita que os lances passarão de £ 1 milhão (R$ 3,5 milhões). Se isso se confirmar, a Leica Luxus II passará a ser a câmera mais cara já vendida da história.

Cupons de desconto TecMundo: