(Fonte da imagem: Reprodução/iStock)

Você se prepara para tirar uma foto quando percebe um ruído na captura. Ajusta o zoom e o foco, mas nada de melhoras. Então, você vê que é a lente da câmera que está suja. Pego de surpresa, você parte para a tradicional “baforada” na lente, limpando-a com a camiseta.

O método pode até ser funcional, mas pode causar danos nas lentas da sua câmera, segundo a central de ajuda da Nikon. Em uma das suas publicações de suporte aos clientes, a equipe técnica da empresa menciona que o hálito do ser humano pode conter alguns tipos de ácidos nocivos para os revestimentos das lentes.

Como limpar corretamente

O ideal é utilizar uma substância especialmente desenvolvida para a limpeza desse tipo de componente, pingando-a em um pedaço de pano com fibras limpas e macias (nunca colocar a solução de limpeza diretamente na lente).

Você deve efetuar a limpeza com movimentos circulares. É indicado também que, antes de usar esse tipo de substância, você passe um pincel para a remoção da poeira, que poderia riscar a lente ao ser esfregada com o pano.

Voltando atrás

Na publicação original, existia a menção direta para essa prática com a frase: “Não respirar na lente de forma a embaçá-la para a sua limpeza. Existem ácidos nocivos no hálito que podem danificar os revestimentos de lente”. Contudo, esse post foi atualizado hoje (10 de dezembro) pela manhã, tendo esse trecho retirado. A Nikon não explicou os motivos de ter removido a informação.

Cupons de desconto TecMundo: