A TP-Link é reconhecida mundialmente por seus equipamentos de rede, mas você sabia que a fabricante tem diversos outros produtos, incluindo caixas de som e até câmeras?

Por conta de sua vasta experiência no ramo de conectividade, a TP-Link sempre desenvolve dispositivos com as mais altas tecnologias de rede para levar aparelhos versáteis até o consumidor.

Recentemente, a companhia nos enviou a câmera cloud TP-Link NC200. Trata-se de um modelo compacto focado em monitoria básica em residências e ambientes empresariais. Com conexão de rede cabeada e sem fio, o produto se mostra adequado para qualquer ambiente, sendo especialmente dedicado a acesso remoto. Vamos conferir de perto!

Especificações

Tabela de especificações

Design simpático

Indo na contramão de outras câmeras de monitoria e segurança, os produtos da TP-Link se mostram muito modernos e ideais para ambientes de escritório. O desenho da NC200 aposta em curvas suaves, que harmonizam com a câmera na parte central do corpo.

O espaço adicional na parte de baixo da lente é justamente para acomodar os componentes de rede, incluindo adaptador WiFi e espaço para o conector RJ-45, isso sem contar todo o setor elétrico, que garante a distribuição da alimentação.

Visual do produto em sua embalagem

O pezinho oferece boa sustentação ao corpo, que pode ser ajustado de acordo com as necessidades do usuário. Com um ajuste simplificado na parte traseira, você pode direcionar a lente para qualquer posição, sendo possível inclusive girar o produto em 360 graus.

Um probleminha no primeiro uso

Em teoria, a configuração da NC200 deveria ser bem simples, mas nós tivemos um pequeno probleminha no primeiro uso. Seguindo todas as instruções do manual, a fabricante informa que é necessário baixar o aplicativo oficial para efetuar a primeira configuração.

Ao instalar o app e mexer nele pela primeira vez, você terá duas opções: uso em rede local ou login para acesso remoto. Acontece que, ao selecionar para conexão em rede local, a câmera simplesmente apresenta uma mensagem de erro, informando que é impossível se conectar. O erro se repetiu independente do roteador utilizado e do smartphone em questão.

Câmera de segurança

Só depois fomos descobrir que tal erro ocorreu devido ao firmware, que não estava atualizado. Para realizar o update, no entanto, o usuário deve criar uma conta para que a câmera seja conectada ao servidor e receba o novo software; ou seja, você é obrigado a fazer login, criar uma conta e se conectar à internet antes de poder programar a câmera exclusivamente para uso local.

Tal inconveniente não é o fim do mundo, mas é um passo desnecessário que poderia ser evitado caso a fabricante incluísse a obrigatoriedade de fazer o login no primeiro uso.

Acesso remoto simplificado

Bom, entre tantas qualidades, certamente a mais notável deste produto é a possibilidade de acessar o streaming mesmo sem estar usando a rede da câmera. O acesso remoto se dá diretamente pelo app do smartphone, sendo que o streaming é instantâneo e pode ser visualizado em tela cheia.

Além de poder verificar tudo em tempo real, a NC200 oferece a opção para que o usuário tire fotos e grave vídeos com poucos cliques. Todavia, é importante constatar que esta câmera não possui memória interna, de forma que os conteúdos capturados devem ser guardados diretamente no celular ou tablet.

Opção prática para o consumidor

É importante ressaltar que, apesar das complicações iniciais, o aplicativo da TP-Link se mostrou muito amigável e simples de usar. A interface é limpa, as configurações são bem esclarecedoras, o arquivo de conteúdos gravados fica organizado, e você pode acessar várias câmeras de forma rápida.

Para quem não pretende usar o celular para acesso remoto, a fabricante disponibiliza o streaming também pelo site oficial do TP-Link Cloud e funções de gravação pelo programa para computador TP-Link Camera Control.

Desempenho razoável

A TP-Link NC200 pretende ser uma câmera bem básica, por isso ela só oferece qualidade SD (640x480 pixels) e LD (320x240 pixels). A parte boa disso é que o streaming dos vídeos fica muito leve, sendo possível acessar rapidamente os vídeos em qualquer conexão. A parte ruim é que não é possível distinguir muito bem as imagens, já que a definição não é das melhores.

Tirando a questão da resolução, ainda temos outra limitação que pode atrapalhar um bocado: a performance da câmera. Devido a limitações de hardware, a NC200 não é capaz de capturar vídeos com mais de 20 frames por segundo. Isso significa que os vídeos ficam um pouco travados, já que faltam quadros no streaming para dar maior fluidez.

Vale a pena?

A TP-Link NC200 se mostra uma solução bem interessante para quem busca fazer monitoria de ambientes com acesso remoto. O conceito do produto é voltado para usuários que não precisam de alta qualidade e pretendem apenas ter acesso rápido ao conteúdo, mas, apesar da simplicidade, a fabricante ainda oferece alguns recursos especiais bem interessantes.

A compatibilidade com aplicativos para celular e as opções para gravar vídeos tanto no smartphone quanto no computador são bastante úteis, já que tornam a solução bem completa. Talvez, os únicos problemas fiquem por conta das limitações de qualidade, mas não dá para reclamar nesse sentido, pois a TP-Link possui outros modelos para quem busca melhor resolução.

Disponível por valores próximos dos R$ 200, a NC200 é uma boa opção para quem busca uma forma barata e simples para manter sua casa ou seu escritório vigiado. Certamente, vale a pena adquirir o produto se você planeja montar um sistema de segurança básico.

Cupons de desconto TecMundo: