A realização da Black Friday em novembro pode ter resultado em uma antecipação de compras dos consumidores para o Natal, o que teria prejudicado o resultado do varejo no último mês de 2014. A avaliação é de Juliana Vasconcellos, gerente da Coordenação de Serviços e Comércio do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

"Algumas atividades que não apresentavam crescimento no ano até novembro, no mês apresentaram crescimento muito acima da média dos outros meses de novembro. Por ter tido um movimento de promoção muito grande em novembro, a gente acredita que isso tenha afetado essas compras junto com a antecipação do décimo terceiro das famílias, com reflexo em dezembro", contou Juliana.

Segundo o instituto, a alta de 0,3% nas vendas do varejo em dezembro de 2014 ante dezembro de 2013 foi o pior resultado para o mês desde 2002. Em novembro, o volume vendido cresceu 1,4%.

A pesquisadora do IBGE aponta como beneficiado pelas liquidações da Black Friday o setor de móveis e eletrodomésticos, que teve expansão de 2,3% em novembro de 2014 ante novembro de 2013, seguido de queda de 3,6% em dezembro ante dezembro do ano anterior. Outro segmento foi o de tecidos, vestuário e calçados, com avanço de 1,8% em novembro, com recuo de 3,4% em dezembro. O segmento de equipamentos de escritório e informática também teve alta expressiva em novembro, de 5,6%, mas a taxa de dezembro cresceu ainda mais, 7,4%.

Por Daniela Amorim - Rio de Janeiro

Cupons de desconto TecMundo: