A empresa de pesquisas IDC lançou um novo relatório sobre o mercado brasileiro de smartphones, desta vez relativo ao último quadrimestre de 2014. Os números são positivos e indicam um crescimento nas vendas em geral, além da confirmação de uma tendência na briga entre sistemas operacionais que já era identificada há algum tempo.

De acordo com a IDC, as vendas de smartphones no Brasil na época pesquisada cresceram 11% em relação ao quadrimestre anterior de 2014 e 49% em relação ao mesmo período do ano passado. Ao todo, foram 15,1 milhões de dispositivos vendidos na categoria, contra 4,7 milhões de feature phones — os celulares com menos funções e que, apesar de perderem cada vez mais mercado, permanecem com números altos no país.

O crescimento estaria relacionado com a chegada de aparelhos cada vez mais baratos em território nacional. A média de preço dos dispositivos caiu de R$ 900 (em 2011) para R$ 590 (no fim de 2014); aparelhos intermediários, que custam de R$ 450 a R$ 900 com especificações técnicas regulares, já ocupam metade do mercado. As telas maiores também chegaram para ficar: 63% dos smartphones vendidos por aqui levam um display com mais de 4".

Outro dado curioso é que o Windows Phone é o segundo sistema operacional móvel mais usado no Brasil, ultrapassando o iOS. Ainda assim, o Android permanece absoluto no mercado, com 91% das vendas.

Cupons de desconto TecMundo: