(Fonte da imagem: Reprodução/Daily Stormer)

Você é mais um daqueles preocupados com toda essa história do Marco Civil? Bem, parece que não há tantos motivos para isso – afinal, o próprio criador da web Tim Berners-Lee veio demonstrar seu apoio à proposta.

Em uma declaração aberta feita no World Wide Web Foundation, Lee aproveitou a oportunidade para elogiar o projeto, dizendo acreditar que o Marco Civil será de grande utilidade para abrir caminho para outras leis que cuidam dos direitos do público na rede. Ele também disse acreditar que a proposta promete equilibrar direitos e responsabilidades tanto das pessoas quanto de empresas e do próprio governo.

Confira logo abaixo a declaração de Lee, na íntegra:

“No ano do 25º aniversário da Web, pessoas de todos os lugares estão exigindo que seus direitos humanos sejam protegidos online. Se o Marco Civil passar, sem maiores atrasos ou emendas, isso seria o melhor presente de aniversário possível para os usuários brasileiros e globais. Eu espero que, ao passar este projeto de lei, o Brasil pavimente sua orgulhosa reputação como uma líder mundial na democracia e no progresso social e ajude a inaugurar uma nova era – uma na qual os direitos dos cidadãos em cada país do mundo estão protegidos por projetos de lei de direitos digitais.

Assim como a Web, o Marco Civil foi construído por seus usuários – o processo inovador, inclusivo e participativo resultou em uma política que balanceia os direitos e as responsabilidades dos indivíduos, governos e corporações que usam a internet. É claro, ainda existem discussões sobre algumas áreas, mas em última análise o esboço do projeto reflete a internet como ela deve ser: uma rede aberta, neutra e descentralizada, na qual usuários são o motor para a colaboração e inovação. Louvavelmente, o projeto de lei tem entre suas fundações a garantia dos direitos humanos como a privacidade, a cidadania e a preservação da diversidade e do propósito social da web.”

E você, o que acha das palavras de Tim Berner-Lee? Deixe sua opinião nos comentários e fique atento ao Tecmundo para mais novidades sobre o projeto do Marco Civil.

Cupons de desconto TecMundo: