(Fonte da imagem: Divulgação/Raspberry Pi)

O Raspberry Pi é reconhecido como o computador mais barato do mundo, custando apenas US$ 35 – menos de R$ 80. No Brasil, devido a taxas e impostos, ele sai por R$ 189, um valor que ainda consegue ser um dos mais baixos do mercado. Mas, se depender do diretor executivo da fabricante, Eben Upton, esse custo deve diminuir ainda mais.

Ele afirma que a empresa encontra-se em fase de análise sobre a abertura de uma fábrica em solo nacional, devido aos custos “proibitivos” de importação do produto para o Brasil. Além disso, a ideia seria facilitar a distribuição do computador para toda a América Latina, um mercado que é visto por Upton como prioritário.

Na visão dele, o entusiasmo do brasileiro por tecnologia, bem como a renda média e o total da população, podem transformar o Raspberry Pi em um sucesso por aqui. No momento, apenas alguns milhares de computadores são vendidos para o nosso país, um número que o executivo pretende mudar bem em breve.