(Fonte da imagem: iStock)

Se hoje você tem o seu blog pessoal, agradeça a Jorn Barger. Não, ele não foi o criador de algum sistema de postagem ou o primeiro a ter um site para falar sobre seus acontecimentos pessoais, mas sim o pioneiro no uso da palavra “weblog”. A primeira incidência do termo aconteceu em dezembro de 1997 e ainda está online.

O verbete caiu no gosto da galera e permaneceu assim por cerca de dois anos, até que Peter Merholz, outro autor, sugeriu a abreviação “blog” em seu site pessoal. Pouco depois, vieram os serviços que facilitavam a criação de páginas pelos seus usuários – com o Blogger sendo o mais famoso – para popularizar de vez a palavra.

Apesar de sites pessoais terem caído em desuso, o termo blog existe até hoje, mas com um significado um pouco diferente. Há controvérsias sobre a definição exata do termo, mas, para muitos, ele consiste em qualquer site que não seja vinculado a um portal ou que agregue informações por meio de posts em ordem cronológica. Não é mais o assunto que define um blog, e sim a forma como ele é atualizado.

Cupons de desconto TecMundo: