(Fonte da imagem: Reprodução/Business Insider)

Contrariando a crença popular de que o iPhone foi o responsável pela morte da BlackBerry, um estudo conduzido pelo Business Insider mostra que a empresa só começou a perder espaço de maneira rápida a partir da popularização do Android. Entre os fatores que mais contribuíram para a perda de espaço sofrida pela empresa foi sua incapacidade de se adaptar rapidamente ao surgimento dos smartphones.

Segundo a pesquisa conduzida pelo site, a BlackBerry ainda possuía uma fatia considerável do mercado em 2009, dois anos após a Apple iniciar as vendas de seu icônico aparelho. A situação só se tornou preocupante a partir de 2010, ano em que o sistema operacional da Google simplesmente explodiu em popularidade em uma escala global.

Em comparação com a empresa, a participação da Apple nesse segmento se manteve estável, variando entre 15% e 20% durante os últimos 4 anos. Diante desse cenário, é concebível pensar que, sem o Android, muitos consumidores que não são adeptos da marca da Maçã poderiam continuar investindo em aparelhos da BlackBerry — algo que não foi possível graças aos aparelhos baratos que a Samsung, Xiaomi, ZTE e outras empresas passaram a lançar no mercado a partir de 2010.

Cupons de desconto TecMundo: