Novidades da marca ajudam mas não estancam sangramento nas finanças. (Fonte da imagem: Reprodução/IB Times)

A Blackberry ainda não conseguiu se recuperar da forte crise que vem enfrentando nos últimos anos. Com o lançamento do Z10 e do Blackberry 10, os investidores acreditavam que esse cenário mudaria. Os prejuízos diminuíram, em relação ao período passado, mas não desapareceram. Com isso, as ações despencaram quase 30% no mesmo dia, sendo comercializadas em valores próximos de US$ 10.

Mesmo antes de a empresa anunciar os prejuízos hoje, as ações da fabricante já estavam em maus bocados. Até o momento da conferência, o preço dos papéis decaia 18%, o que só piorou depois que o CEO da companhia pediu paciência aos investidores.

O último trimestre fiscal foi o primeiro em que a empresa passou o tempo todo vendendo sua nova geração de produtos, incluindo o Z10 e o novo SO. Essa era a esperança dos investidores de finalmente receber os dividendos aos quais as ações dão direito, o que não aconteceu.

Durante o anúncio dos resultados trimestrais, a empresa avisou que o próximo trimestre ainda será de perdas. Mesmo assim, espera-se que essas sejam bem menores.

Cupons de desconto TecMundo: