(Fonte da imagem: Slow Down and Savor)

Sangue no nariz? Que tal bacon para amenizar o problema? Isso é ciência, mas também é bizarro. Uma criança de quatro anos de idade com Trombastenia de Glanzmann — uma síndrome hemorrágica nasal rara — teve a vida salva duas vezes devido aos tampões nasais feitos com tiras de carne de porco. O caso foi transformado em um estudo pelo Centro Médico de Detroid, nos Estados Unidos.

A hemorragia parou completamente em 72 horas após o estranho tratamento, de forma eficaz e sem sequelas. De acordo com os médicos autores do estudo, essa é a primeira vez que um uma hemorragia que apresenta risco de vida foi curada através de tampões com tiras de carne de porco em um paciente com Trombastenia de Glazmann.

O jornal britânico The Guardian observa que o estudo é uma confirmação de uma longa tradição do uso de carne de porco para tratamento de sangramento nasal. A técnica caiu em desuso por motivos higiênicos, já que poderia causar complicações bacterianas e parasitárias.

O método já havia sido usado por médicos diferentes em 1940, 1953 e 1976 e relatado como caso de sucesso. Embora o uso de carne de porco tenha funcionado no tratamento, não há uma explicação plausível que justifique o motivo. 

Cupons de desconto TecMundo: