Uma situação inusitada tem gerado debates na cidade de Church Stretton. Segundo reportagem do Shropshire Star, o conselho da cidade iniciou no dia 8 de agosto uma consulta pública para decidir se um banheiro público deve continuar recebendo os usuários através de mensagens gravadas por uma voz feminina.

A discussão surgiu após alguns homens se sentirem constrangidos após se depararem com uma mulher “invisível” lhes dando instruções de como usar corretamente o local. O prefeito da cidade, Tom Beaumont, afirma que alguns senhores sentiram que a voz de uma mulher ali provocava efeitos desconcertantes. Segundo ele, até mesmo um vigário reclamou ao conselho da cidade quanto à situação.

Agora cabe aos homens do município decidir o que deve ser feito em relação à voz. Entre as opções possíveis está manter a voz do mesmo jeito, trocá-la por um instrutor masculino ou eliminar totalmente qualquer instrução por voz nos banheiros públicos da cidade.

Cupons de desconto TecMundo: