Um holandês de 41 anos, chamado Alexander Pieter Cirk, acabou morando por 10 dias dentro do aeroporto de Changsha Huanghua, na China, na espera de uma mulher que conheceu em um aplicativo de namoro. Como se não bastasse a loucura, Cirk acabou hospitalizado porque os 10 dias no aeroporto aumentaram os problemas cardíacos e nos rins que o homem sofria, de acordo com a CCTV.

Foram mais de 4,5 mil quilômetros percorridos para tentar consumar um amor. Infelizmente, Cirk levou um toco da chinesa, que se apresentava como "Alice" na rede social. A história do holandês foi reproduzida na Hunan TV, da China, e a jovem "Alice" também foi encontrada. Contudo, o nome real dela é "Zhang".

Antes de partir para a China, Cirk havia enviado uma foto do passaporte e da passagem de avião. Chegando ao aeroporto chinês, como a "Alice" não estava por lá, Cirk acabou esperando a aparição da moça durante 10 dias.

Alexander Pieter Cirk tirando um cochilo no aeroporto

Zhang entrou em contato com a Hunan TV após a veiculação da matéria e comentou que não recebeu a mensagem holandês, além disso, disso que também não acreditava que ele realmente viria — o "casal virtual" conversava há mais de um ano. Zhang comentou que, recentemente, fez uma cirurgia no nariz e, assim que estiver recuperada, vai visitar Cirk.

"Alice", na verdade, Zhang

O que essa história nos ensina, amiguinhos? Saiba muito bem com quem você está conversando antes de pegar um avião para a China.

Estado após 10 dias

Cupons de desconto TecMundo: