No último domingo (24), um homem viciado em games resolveu entrar com um carro dentro do escritório de uma empresa sul-coreana alegando que ela "arruinou a sua vida". O chinês, cujo sobrenome é Lee, estava na Coreia do Sul à passeio quando decidiu pegar o carro de seu irmão e invadir o local em que a desenvolvedora Nexon está estabelecida.

A empresa, um estúdio de criação de jogos para computador e dispositivos móveis responsável por títulos como Atlantica Online (PC), Combat Arms (PC), MapleStory (PC), não se pronunciou sobre o ocorrido. De acordo com Lee, ele decidiu invadir o escritório da Nexon porque estava viciando em games desenvolvidos por ela. Segundo a polícia local, o chinês estava com níveis de álcool acima dos permitidos para o país e não houve vítimas nesse atentado.

O vício na internet e jogos em geral já é uma realidade bastante perceptível em nossa sociedade. A chegada da febre Pokémon GO e os diversos acidentes nos quais pessoas desatentas estão se envolvendo é uma das maiores provas disso. Porém, é difícil justificar a ação de uma pessoa que pega o carro e invade o escritório da empresa desenvolvedora culpando-a de seu vício. 

Cupons de desconto TecMundo: