Existem muitos filtros familiares que evitam o acesso de menores de idade a páginas de conteúdo adulto. O problema é que há muitos resultados mascarados, que acabam não sendo captados pelos filtros de pesquisa. Muitas vezes, vídeos também acabam passando despercebidos e, por isso, o Korea Advanced Institute of Science and Technology desenvolveu um algoritmo bastante curioso.

O novo código sul-coreano consegue captar gemidos e outros sons pornográficos (devido às frequências sonoras emitidas) e bloquear o acesso a esses conteúdos. Segundo os resultados divulgados pelos pesquisadores, em 93% das ocasiões o sistema bloqueou os conteúdos corretamente. A maior parte dos erros ocorreu em vídeos de comédia, pois as risadas e gritos da plateia acabavam sendo confundidos pelo sistema.

Cupons de desconto TecMundo: