Com a confirmação oficial da saída do Reino Unido da União Europeia, processo chamado de “Brexit”, os mercados de ações do mundo inteiro reagiram de alguma forma, especialmente na negativa. A Bitcoin, entretanto, seguiu o caminho contrário e teve um grande pico no seu valor entre ontem e hoje. Uma BTC está valendo no momento cerca de R$ 2,2 mil contra R$ R$ 1.865 ontem.

Nesse meio tempo, a libra esterlina, moeda oficial do Reino Unido, teve uma queda histórica no seu valor em relação ao dólar americano: -10%. A moeda britânica nunca esteve tão desvalorizada nos últimos 30 anos, mas o Euro também perdeu um pouco de seu valor.

Voltando à Bitcoin, a moeda é conhecida por registrar valor de mercado muito flutuante. No começo deste mês, por exemplo, ela esteve custando R$ 2.438, tendo esse valor sido o maior em dois anos. Muitas pessoas já têm enxergado a moeda como uma boa saída para investidores que desejam se proteger de crises pontuais como essa entre Reino Unido e União Europeia.

Continua valorizando?

Não há como prever como ficará o valor da moeda virtual nos próximos dias, mas é possível que continue subindo, já que a situação política e econômica na Europa pode ficar ainda mais incerta, com a possibilidade de outros países também tentarem sair do bloco econômico.

No próprio Reino Unido, já estão se levantando desejos separatistas na Irlanda do Norte, que pretende realizar um referendo para se reunificar com a República da Irlanda, que saiu do Reino Unido em uma guerra de independência no começo do século passado. Já se fala também em um novo referendo sobre a separação da Escócia, que foi às urnas decidir sobre isso há menos de dois anos.

Apesar disso, a Bitcoin é mais afetada pelo valor do yuan chinês, uma vez que boa parte da moeda criptografada é comercializada na China. Será que vale a pena investir nisso atualmente?

Cupons de desconto TecMundo: