Na imagem que você confere acima, pode parecer que um maluco resolveu empurrar uma prancha de surfe no meio do deserto, mas na verdade ele está fazendo os preparativos finais em “Eta”. Apesar de não lembrar nada, se trata de uma bicicleta de velocidade projetada para anular ao máximo a resistência do vento.

Graças a isso, o ciclista Todd Reichert, conseguiu estabelecer ontem de manhã o novo recorde mundial de velocidade em um veículo movido por força humana, ao atingir 137,9 km/h apenas com o impulso de suas pedaladas. A marca anterior era de 134,8 km/h e pertencia a Sebastiaan Bouwier desde setembro de 2013. Reichert faz parte da equipe canadense AeroVelo, que já havia tentado bater o recorde anterior no ano passado, conforme o vídeo que você pode assistir ao final da matéria.

O time está participando da décima sexta edição do “Desafio Mundial de Velocidade por Força Humana” (WHPSC, na sigla em inglês), que está acontecendo ao longo dessa semana em Battle Mountain, no estado americano de Nevada. Os ciclistas que participam da competição podem criar bicicletas com qualquer formato para tentar estabelecer novas marcas mundiais de velocidade. As tentativas acontecem em uma estrada escolhida a dedo justamente por ser plana e reta ao longo de vários quilômetros.

A equipe recordista posa junto com a bicicleta "Eta" - Imagem: IHPVA

Os participantes tem cerca de 8 quilômetros de chão para pegar impulso antes de chegar ao trecho final da competição, que se estende por apenas 200 metros. É nesse ponto em que a velocidade dos competidores é registrada. E apesar de ter acabado de estabelecer o novo recorde mundial, os canadenses ainda não podem relaxar, pois o desafio ainda vai se estender por mais dois dias, e eles ainda podem ser superados.

Qual recorde mundial você gostaria de quebrar? Comente no Fórum do TecMundo