Tem se tornado comum ver projetos envolvendo bicicletas dobráveis. Caso precise de exemplos, no ano passado tivemos notícias de um modelo do tipo, e a lista cresceu mais um pouco com a adição da A-Bike. 

O projeto foi criado originalmente pelo inventor britânico Clive Sinclair. Essa versão, que atualmente possui uma campanha para arrecadação de fundos no site Kickstarter, conta com algumas melhorias, e para desenvolvê-la a meta é conseguir 40 mil libras esterlinas (o equivalente a cerca de R$ 196 mil). 

Até o momento da publicação desta notícia, o projeto já havia arrecadado pouco mais de 26 mil libras esterlinas (aproximadamente R$ 127 mil). A campanha está agendada para terminar em 12 de agosto.

E como ela funciona? 

Se a essa altura você está curioso para saber de mais detalhes da A-Bike, há informações de que ela é capaz de percorrer uma distância de até 25 quilômetros (cortesia da bateria de 24V, que pode ser carregada na própria bicicleta ou longe dela) e possui um design que permite dobrá-la e guardá-la facilmente em casa ou em algum canto do escritório. 

Ainda no que diz respeito à bateria, outro dado divulgado é que a bicicleta conta com um botão que permite ligar ou desligar o sistema de alimentação. Há quatro indicativos com luzes LED que mostram a quantidade de energia restante antes de uma nova recarga – aliás, são necessárias 2h50 para recuperar toda a bateria. 

Somado a isso, também há detalhes referentes à velocidade máxima (20 quilômetros por hora) e do máximo de peso que a A-Bike suporta (100 quilos). Ela também é considerada a bicicleta mais leve, pesando apenas 12 quilos. 

Caso esteja interessado em ter uma dessas, é bom correr: é preciso colaborar com 515 libras esterlinas (o que dá aproximadamente R$ 2.500) para colocar as mãos em uma – e há apenas mais 23 unidades disponíveis nessa modalidade de doação.

Curte a ideia de ver várias bicicletas elétricas dobráveis por aí? Comente no Fórum do TecMundo