A Ford acaba de anunciar alguns protótipos de bicicletas inteligentes que podem chegar ao mercado em alguns anos. O grande destaque na apresentação ficou com a MoDe: Link, que oferece alguns recursos bem interessantes para os ciclistas. Além de um motor elétrico de autonomia elevada, navegação por GPS com conexão direta a smartphones e integração com o SYNC, o que mais chama a atenção é o modo “No Sweat”.

Por meio de sensores de batimentos cardíacos, a bicicleta pode identificar quando a atividade física do ciclista está sendo desempenhada com ritmo suficiente para causar suor. Ao chegar ao ponto determinado, a MoDe: Link entende que precisa agir para impedir o suor e ativa o motor elétrico integrado. Isso deve ser bem útil para empresários e executivos que não podem suar ao pedalar.

Se conectando a smartphones, o sistema da MoDe: Link pode ser ainda mais interessante no futuro. A Ford planeja criar ferramentas que permitam a locomoção de bicicleta ainda mais segura, levando rotas mais tranquilas e sem riscos para os ciclistas diretamente às telas dos portáteis. Mais do que isso, a navegação GPS também será capaz de enviar sinais vibratórios às manoplas para informar os lados para os quais as pessoas devem virar.

Não há informações sobre o peso da bike, mas como se trata de um modelo com motor elétrico e bateria, ela certamente pesará bem mais do que bikes comuns. E apesar dos recursos bem interessantes e que podem chamar muito a atenção dos consumidores que procuram formas limpas de locomoção, também não há qualquer sinal de produção comercial para os próximos anos.