Já aconteceu com você: um dia agitado, cheio de compromissos e correria, várias horas até chegar em casa e a bateria do celular já diminuiu até o nível em que o desespero começa a bater, pois há uma infinidade de emails, mensagens e ligações pendentes e nenhuma tomada por perto. Como resolver uma situação como essa?

A solução encontrada pelos caras da Nifty, empresa sediada no Reino Unido, é o XOO Belt (pronuncia-se “zu” belt), um cinto com uma bateria de 2.100 mAh integrada, sendo 800 mAh acoplados na parte interna da fivela e os outros 1.300 mAh inseridos dentro da faixa de couro do acessório. Veja abaixo como isso funciona em um dos protótipos do cinto:

Piers Ridyard e Steve Levy, os cofundadores da empresa, estavam viajando pela China a negócios quando descobriram um novo tipo de bateria flexível que ainda não havia virado um produto comercial, e imediatamente eles viram as possibilidades que aquilo oferecia.

Apenas metade da extensão do cinto é ocupada pela bateria, o que significa que haverá modelos de todos os tamanhos, do PP ao XG, sem prejudicar a capacidade máxima de armazenamento. E a fivela é apenas um pouco mais espessa do que estamos acostumados.

A carga do celular se dá através de um pequeno cabo microUSB – usuários de iPhone podem usar um adaptador Lightning – que fica preso magneticamente à parte interna do cinto quando não está em uso e serve também para recarregar o invento. Tanto a transferência do XOO Belt para outro aparelho quanto a recarga do próprio acessório leva cerca de três horas. A quantidade de energia armazenada é suficiente para deixar a maioria dos smartphones no mercado hoje com 100% de carga, e isso tudo sem tirar o gadget do bolso.

Caso você adquira um XOO Belt, não é necessário se preocupar com o risco dele vazar ou explodir nas suas calças. Isso porque o material de que é feita a bateria, um polímero cerâmico de lítio, não contém partes líquidas nem inflamáveis em sua composição. E a fivela pode ser separada do cinto para que, quando forem lançados novos modelos, o usuário possa substituir somente a parte flexível sem precisar adquirir todas as partes novamente. Modelos femininos também estão nos planos futuros da empresa.

Desde o dia 18 de novembro, a Nifty está com uma campanha de arrecadação de fundos no Indiegogo para custear a produção do XOO Belt e planeja enviar o produto final em julho de 2015. Em dois dias, eles já atingiram mais de 60% da meta para tirar o cinto do papel.

Cupons de desconto TecMundo: