Você já perdia pilhas e baterias em altas quantidades por conta do tamanho reduzido desses acessórios? Então prepare-se: a Panasonic afirma ter desenvolvido a menor fonte de energia cilíndrica e recarregável de íon-lítio do mundo.

O modelo chama-se CG-320 e impressiona pelas medidas: são apenas 3,5 mm de diâmetro e 0,6 gramas de peso. Como comparação, ela é 20 vezes menor que as "pilhas-palito" de modelo AAA. A capacidade é de 13 mAh e a voltagem gira em torno de 3,75 V — dados que confirmam a possibilidade de usá-la em eletrônicos que precisem ser pareados com gadgets via NFC ou Bluetooth.

Essas informações deixam claro o objetivo da fabricante: fazer com que a bateria popularize-se entre dispositivos vestíveis. A Panasonic deve vender a ideia para óculos, canetas, relógios e pulseiras inteligentes. A Internet das Coisas (IoT, na sigla original) também é uma das possibilidades de uso da nova fonte de energia.

O modelo é menos potente do que outros que estão no mercado, mas tem o diferencial do tamanho. Além disso, como os eletrodos positivo e negativo estão enrolados entre si e protegidos por um nanotubo de aço inoxidável, as chances de acontecer algum acidente, como vazamentos, são bem reduzidas. Ainda assim, a Panasonic vai lançar também unidades de 30 mAh e 50 mAh (que serão também um pouco mais pesados e maiores).

A nova bateria será disponibilizada para primeiras impressões durante a feira CEATEC Japan, que acontece nesta semana. A venda comercial deve começar em fevereiro de 2015 e até 100 mil unidades mensais devem ser fabricadas.

Cupons de desconto TecMundo: