Nos dias atuais, as baterias dos smartphones apresentam cada vez mais melhorias para recarregar rapidamente. Uma prova disso é que, se a startup StoreDot conseguir dar vida a uma tecnologia mostrada em 2015 na Consumer Electronic Show, teremos aparelhos que recarregam completamente em cinco minutos muito em breve.

Falando ao site da BBC, Doron Myersdorf, diretor-executivo da empresa, revelou que essa tecnologia deve entrar em produção no início do próximo ano, mas que no momento não poderia revelar quais fabricantes já estão interessadas em utilizar esse recurso em seus aparelhos.

Essa tecnologia deve entrar em produção no início do próximo ano

Segundo informações divulgadas, tal tecnologia envolveria o uso de nanomateriais, além de componentes orgânicos. Outro detalhe importante é o fato de que duas fabricantes de bateria asiáticas já estavam produzindo alguns modelos-piloto para teste.

Se tudo der certo, você vai poder resolver esse problema em cinco minutos

Será que funciona?

Ainda que a ideia de recarregar a bateria de um smartphone completamente em cinco minutos seja algo que certamente chame a atenção de diversas pessoas, há alguns que se mostram um tanto quanto céticos nesse sentido. Um deles é Ben Wood, analista de tecnologia da CCS Insight que duvida dessa possibilidade, mas ressaltou que, caso funcione, isso poderia ser um grande momento na indústria.

Entretanto, ele também destaca que são necessários alguns cuidados, já que uma bateria com um design que gere grandes quantidades de calor pode acabar impactando no seu desempenho.

Quase exclusivo

Vale lembrar que a StoreDot não é a única que está trabalhando com uma bateria que oferece carregamento rápido. Em novembro, a Qualcomm anunciou o sistema Quick Charge 4, que promete entregar cinco horas de utilização do dispositivo móvel, após um carregamento de cinco minutos.

Cupons de desconto TecMundo: