O Windows 7 já começou a ganhar complementos, temas e outras personalizações. Entre essas alterações no novo Sistema Operacional, existem algumas que tornam o acesso a algumas funções básicas muito mais diretas e rápidas, como a inserção da Lixeira nas Barras de Tarefas.

Caso você esteja se perguntando: “Mas como isso pode ser útil?”, a resposta não demora a chegar. Com a inclusão digital e a popularização da informática, a tendência é que todos os processos computacionais sejam facilitados para os usuários menos experientes.

Excluir arquivos pelos métodos tradicionais pode ser confuso para usuários iniciantes, logo, manter a Lixeira em algum lugar fixo e constantemente visível na tela pode facilitar a exclusão, pois aí não é necessário que o usuário utilize teclas de atalho ou minimize todas as janelas para visualizar aDesktop e então conseguir abrir a Lixeira.
Como criar?
Em qualquer lugar da Área de Trabalho, clique com o botão direito, escolha “Novo” e em seguida “Atalho”. Em “Linha de Comando”, digite ou cole o seguinte comando:

%SystemRoot%\explorer.exe shell:RecycleBinFolder

Clique em Avançar. Em seguida, escolha o nome para o atalho, Lixeira, por exemplo. Clique com o botão direito no ícone criado e escolha “propriedades” e então “alterar ícone” e selecione um de sua preferência.

Arrastando o ícone

O ícone está pronto, agora só é preciso que o usuário arraste o atalho até a barra desejada, que pode ser a de Tarefas ou a Superbar (barra grande na parte inferior do Windows 7). Na Superbar é possível ainda que o atalho seja fixado, para que não seja sobreposto por outro.

Fixando o ícone

Por se tratar de um comando alternativo, o atalho da Lixeira não permite algumas configurações ou funcionalidades com o botão direito do mouse: não é possível esvaziá-la nem restaurar arquivos por uma jumplist. Mesmo assim, a criação do atalho pode dinamizar as ações dos usuários e evitar possíveis confusões com o novo Windows.

Cupons de desconto TecMundo: