(Fonte da imagem: Reprodução/BGR)

Durante a divulgação de seu último relatório fiscal anual, na última terça-feira (25), a Barnes & Nobles anunciou oficialmente que vai deixar de produzir por conta própria o tablet Nook. Segundo a empresa, as versões futuras do produto vão ser responsabilidade de empresas terceirizadas — forma encontrada por ela de continuar competindo nessa fatia de mercado bastante competitiva.

Ao limitar “riscos associados à fabricação”, a decisão tem o objetivo de diminuir os prejuízos financeiros que a companhia tem sofrido nos últimos meses. No entanto, a organização assegurou que continuará sendo a responsável pelo desenvolvimento de novos modelos de eReaders e das plataformas de leitura associadas a eles.

“As linhas bastante populares Simple Touch e Glowlight continuarão sendo produzidas internamente, enquanto a linha de tablets vai ser coproduzida com empresas terceirizadas cujos nomes ainda não foram divulgados. Ao mesmo tempo, a companhia pretende continuar aprimorando seu catálogo digital, adicionando milhares de eBooks a cada semana e lançado novos aplicativos NOOK”, afirmou a Barnes & Nobles em um comunicado oficial.

Cupons de desconto TecMundo: