A Airbus conseguiu ontem a aprovação de uma nova patente nos EUA. A fabricante de aeronaves está trabalhando em uma forma de diminuir o tempo de preparação para a decolagem, basicamente criando um “container de passageiros”. Depois que todos os passageiros estivessem devidamente sentados, o tal container seria acoplado ao avião, que já estaria pronto para ir para a pista.

Quem viaja com frequência de avião sabe que o tempo de preparação para a decolagem é realmente incômodo e força os passageiros a chegarem até 2 horas antes no aeroporto para que o voo saia na hora certa. Isso quando atrasos não acontecem mesmo assim.

Vendo por esse lado, a ideia da Airbus é realmente muito criativa e poderia economizar muito tempo, tanto dos passageiros quanto das empresas aéreas, que gastariam menos dinheiro e (quem sabe) diminuiriam o preço das passagens.

Contudo, é interessante notar que criar uma aeronave “separável” pode não ser uma boa ideia no que tange à segurança. Isso porque poderia haver mais problemas referentes à pressurização e à aerodinâmica, o que colocaria em risco a vida das pessoas. Além disso, só fato de estar sentado dentro de um tubo metálico e ser “jogado” em cima de um avião como uma carga qualquer pode não agradar muita gente.

Ainda assim, é interessante notar que essa patente, por mais mirabolante que seja, não chega perto dos absurdos que já foram registrados por aí. Uma empresa fabricante de cabines para aviões registrou recentemente uma forma de economizar espaço colocando a poltrona do meio das fileiras virada para trás. A própria Airbus sugeriu empoleirar pessoas na hora da viagem. Ou seja, dos males, este do container seria o menor.

O que você acha dessa nova ideia da Airbus de colocar os passageiros em um "container" antes de acoplar ao avião? Comente no Fórum do TecMundo