Embora o espaço aéreo da Ucrânia esteja aberto para voos comerciais, as companhias estão optando por desviar suas rotas devido à queda de um avião da Malaysia Airlines há poucas horas. A informação foi dada pelo perfil no Twitter do site Flight Radar 24, que monitora voos do mundo todo.

Tradução: Várias aeronaves anunciaram que vão parar de voar sobre a área de conflito na Ucrânia.

De acordo com Anton Gerashenko, conselheiro do Ministério do Interior da Ucrânia, a aeronave com 295 pessoas abordo estava a uma altitude de 10 mil metros (33 mil pés) quando foi atingida por um míssil disparado por lançador modelo Buk. O governo ucraniano declarou que não há sinal de sobreviventes.

Confira a lista das empresas que confirmaram o desvio de suas trajetórias:

- Lufthansa (Alemanha)
- Turkish Airlines (Turquia)
- Aeroflot (Rússia)
- Transaero (Rússia)
- Air France (França)
- Virgin (Reino Unido)
- British Airlines (Reino Unido)
- Delta (Estados Unidos)

Via EmResumo