(Fonte da imagem: Reprodução/Airbus)

A equipe Levar ganhou com sua proposta de um sistema de carregamento e descarregamento de bagagens para compartimentos de carga de aviões, que reduz a carga de trabalho dos funcionários que lidam com bagagens nos aeroportos propondo uma solução baseada em estofamento de ar, inspirada pelas mesas de hóquei.

Apoiada pela UNESCO, o Fly Your Ideas da Airbus é uma competição bienal que desafia estudantes do mundo inteiro a desenvolver ideias para uma indústria da aviação mais sustentável.

A equipe vencedora é formada por Marcos Philipson, Leonardo Akamatsu, Adriano Furtado e Caio Reis, estudantes de Design da USP, e Henrique Corazza, aluno da Loughborough University, no Reino Unido.

O prêmio de 15 mil euros para o segundo colocado foi para a Equipe CLiMA, do Royal Melbourne Institute of Technology, na Austrália, por sua proposta para desenvolver uma aeronave movida por uma mistura de biometano liquefeito produzido de forma sustentável e gás natural liquefeito (Bio-GNL).

Esta terceira edição da competição contou com mais de 600 equipes do mundo inteiro, que enviaram uma proposta respondendo a um dos seis desafios definidos pela Airbus para a aviação no século 21. Mais de 60 avaliadores da Airbus examinaram as propostas quanto à qualidade, benefícios ambientais e nível de inovação demonstrado pela equipe.

A final foi realizada nesta semana na Linha de Montagem Final do A380, em Toulouse, onde apenas as cinco equipes finalistas apresentaram seus conceitos disruptivos a um júri de prestígio presidido por Charles Champion, vice-presidente executivo de Engenharia da Airbus. A equipe Levar convenceu os juízes com uma apresentação poderosa que deu vida a ideia.

Além do prêmio em dinheiro, os alunos também receberão especialistas da célula de inovação da Airbus em seus campi para uma semana de workshops e treinamento ainda este ano.