Projeto similar, criado por uma universidade japonesa (Fonte da imagem: Reprodução/Tohoku University)

Você sabia que um dos motivos para que os aviões realizem suas viagens pela costa é a tentativa de reduzir a poluição sonora das cidades? Pois estudantes do MIT e da Universidade de Stanford estão projetando um novo sistema de voo que pode acabar com esse problema, além de permitir velocidades muito mais altas e também a economia de combustível. O que eles propõem é a utilização de um sistema de asas compostas.

Em vez de apenas uma asa em cada lado do avião, duas delas seriam responsáveis pela criação de um “triângulo” por onde o ar passaria. Um canal de vento garantiria a sustentação das aeronaves, ao mesmo tempo em que cancelaria os ruídos causados pelo “Sonic Boom” (o estouro que ouvimos quando as aeronaves alcançam a velocidade do som).

Segundo relatado no Live Science, uma avião projetado dessa forma poderia chegar a velocidades cinco vezes mais altas do que a do som. Tudo isso sem que exista o incômodo sonoro às populações que estão nas cidades, o que também obrigaria menos voos a passarem sobre os oceanos.