(Fonte da imagem: EADS)

Há poucos dias nós mostramos o avião conceitual da EADS que utiliza motores de foguete e pode chegar até 2020. Hoje, mostramos outro projeto da mesma empresa: os aviões movidos por motores elétricos. Com o nome VoltAir, pretende eliminar a utilização de combustíveis oriundos do petróleo para dar lugar à energia elétrica de baterias.

Com isso a EADS (que é um braço europeu da Airbus) pretende acabar com a emissão de gases na atmosfera. O desafio enfrentado pelos projetistas é encontrar formas de fazer com que as baterias consigam armazenar energia suficiente para que exista autonomia para longas viagens.

Com os atuais projetos, em cada escala seria necessário trocar todo o sistema de baterias. A EADS afirma que isso não seria um problema, pois o VoltAir facilitaria o processo. Mesmo assim, ainda há muito o que ser pesquisado antes que seja possível colocar em voo qualquer aeronave movida por energia limpa.

(Fonte da imagem: EADS)

Os planos da empresa responsável apontam para o lançamento daqui a mais de 20 anos, em 2035. Muitos sites especializados dizem que até lá, muito deve ser descoberto acerca das tecnologias de transporte e outras formas mais econômicas de armazenamento e transformação de energia em força motriz podem ser otimizadas.