Depois da moda de monitores com alta taxa de atualização, dos dispositivos com tecnologia 3D e dos displays com resolução 4K, chegou a vez dos aparelhos prontos para entregar uma experiência de jogo surpreendente com a tecnologia G-SYNC.

Há poucas marcas apostando nessa ideia, mas a ASUS entrou de cabeça na solução da NVIDIA e aparece no mercado com um monitor que se destaca frente aos concorrentes. Obviamente, estamos tratando de um produto da linha Republic of Gamers, então não há o que questionar quanto à qualidade.

O novo ASUS ROG Swift PG278Q tem os recursos que os jogadores buscam para melhorar a performance nos games, a começar pela resolução elevada que promete imagens nítidas durante a jogatina. O painel tem resolução WQHD (2560x1440 pixels), sendo o primeiro do mundo a aliar tamanha definição à tecnologia G-SYNC.

Obviamente, como se trata de um dispositivo que pretende oferecer perfeição em sincronia vertical, este modelo apresenta taxa de atualização de 144 Hz, tempo de resposta de apenas um milissegundo, suporte para tecnologia NVIDIA 3D Vision e compatibilidade com a tecnologia ULMB. Confira as especificações completas antes de prosseguirmos:

Especificações

Tamanho não é documento, mas ajuda muito

Uma coisa que incomoda muitos jogadores é o tamanho reduzido dos monitores. Com este ASUS, você provavelmente vai ficar muito satisfeito nesse sentido. Ele é realmente grande e proporciona uma experiência fantástica!

Com 27 polegadas, você vê tudo em tamanho gigante e o display consegue tomar quase todo o campo de visão — considerando que você senta bem próximo ao monitor. Apesar do tamanho avantajado, o ASUS ROG Swift não distorce as imagens e você dificilmente vai reparar nos pixels, já que a resolução é realmente elevada.

Conforme comentamos, este produto tem resolução WQHD (2560x1440 pixels). Distribuindo os pixels na região de exibição disponível, podemos obter a densidade, que nesse caso é de 109 pixels por polegada — imagens mais nítidas do que uma TV de 55 polegadas com resolução 4K consegue produzir.

Na hora da jogatina, nós percebemos essa diferença claramente. Os resultados são impressionantes e certamente deixam até mesmo os jogadores mais exigentes satisfeitos. Obviamente, para conseguir jogar na resolução WQHD e com filtros você precisará de uma máquina realmente robusta!

Design perfeito e compatível com a identidade da marca

Deixando a questão de imagem um pouco de lado (já voltamos neste assunto), talvez seja o momento para entrarmos em um tópico que vale a pena: visual. Se tem uma coisa em que a ASUS vem mostrando capricho é a parte visual de seus produtos. Já aconteceu com notebooks e smartphones, e agora a fabricante mostra que tem uma equipe competente no design de monitores.

A empresa cuidou de todos os detalhes para que seu produto ganhe destaque entre os concorrentes e parece que deu muito certo. Na parte da frente, podemos ver o capricho no projeto, já que as bordas são muito finas. Dessa forma, a tela ocupa quase todo o espaço disponível, o que é muito bom também na hora de usar múltiplos monitores lado a lado.

Ao lado do visor, os ícones de configurações ficam posicionados discretamente e de fácil acesso. A vantagem é que não há botões na parte da frente estragando o visual. Todos ficam na parte de trás, mas usá-los é muito fácil, até porque as opções são em português. Com botões de navegação inteligentes, você pode fazer os ajustes em poucos minutos.

Outra vantagem do ASUS ROG Swift é a espessura. Ele é muito fino, leve e fácil de manusear. A fabricante projetou um sistema de ajustes na coluna que deixa você regular diversos posicionamentos da tela. É possível controlar a inclinação, a rotação, a direção e a altura.

Não é preciso fazer esforço para configurar a posição da tela, mas também não precisa se preocupar, pois a coluna é bem firme e, após definir uma posição, o monitor fica bem firme. Vale salientar ainda que na parte traseira, este display tem um sistema de ventilação eficiente e muito discreto, o que garante horas de jogatina sem superaquecimento.

Graças a todas essas praticidades, você pode usar a tela em modo retrato, usar o visor bem reclinado para evitar reflexos e girar rapidamente a tela quando você quer mostrar uma imagem para um amigo. As conexões deste monitor ficam na parte de trás, mas claro que ele só funciona com DisplayPort. Ele ainda tem portas USB para você conectar seus gadgets.

Resultados excelentes na hora da jogatina

Depois de tanto papo, talvez seja hora de falarmos do que você realmente quer saber: o uso de tecnologias específicas para games. Bom, considerando as qualidades desse monitor, nós não tínhamos dúvidas que os resultados seriam magníficos. Dito e feito, em todos os títulos testados, não notamos nenhum problema de screen tearing ou de efeitos fantasma.

A tecnologia GSYNC funciona perfeitamente neste display, ainda mais com a taxa de atualização que pode chegar a 144 Hertz. O melhor é que mesmo quando o computador não consegue manter uma taxa de frames elevada, a funcionalidade desenvolvida pela NVIDIA mantém os jogos rodando de forma suave, mas é claro que um PC melhor produzirá resultados melhores.

Com a resolução WQHD, este monitor alcança resoluções superiores a outros concorrentes, o que para nós foi de suma importância, já que pudemos conferir os jogos com visuais soberbos. O melhor é poder ativar recursos como a DSR da NVIDIA, que pode fazer a placa de vídeo renderizar os gráficos em resoluções ainda maiores. O resultado é uma imagem nítida e sem imperfeições!

Ao ativar a tecnologia ULMB, este monitor também impressiona, pois evita qualquer problema que seja proveniente dos movimentos repentinos. Não há rastros na tela, o que também se deve ao tempo de resposta de apenas 1 milissegundo. Basicamente, você nunca vai perceber quedas de desempenho.

Fora todas essas vantagens, o ROG Swift ainda vem com botões GamePlus (para ativar mira de sobreposição e temporizador) e Turbo (que serve para mudar a taxa de atualização rapidamente). São funcionalidades simples, mas que podem vir a calhar na hora da jogatina.

Ainda que seja caprichado na questão de performance, não espere um colorido extremamente exagerado. Este ASUS é bem equilibrado no colorido, mas não alcança níveis tão aguçados a ponto de surpreender. Não é um ponto negativo, porém é válido deixar o comentário para quem é exigente nesse quesito. Vale ressaltar ainda que ao ativar funções como o ULMB e o 3D Vision, as cores tendem a ficar ainda mais apagadas.

Vale a pena?

A ASUS fez bonito neste monitor e podemos dizer que ele é um dos melhores produtos para quem precisa de alto desempenho nos jogos. O ASUS ROG Swift PG278Q nos surpreendeu com suas tecnologias e qualidades do produto.

A resolução elevada, o suporte a 3D Vision e G-SYNC, o design elegante, as configurações simplificadas e os tantos ajustes de posicionamento são alguns dos tantos fatores que nos fazem indicar a compra deste modelo.

Apesar de acharmos que a compra do produto vale a pena, não podemos indicá-lo para todo jogador, já que o preço deste modelo é um absurdo aqui no Brasil (culpa principalmente do dólar que está nas alturas).

Ele custa aproximadamente 4 mil reais, o que é muito acima do que a maioria dos jogadores pode gastar. Para quem tem essa grana, o investimento é totalmente válido, já que você terá um dos melhores displays da atualidade. Contudo, acreditamos que hoje não seja o momento propício para investir tanto dinheiro em um monitor. De qualquer forma, parabenizamos a ASUS pelo excelente trabalho!

Cupons de desconto TecMundo: