Pode parecer algo estranho, mas a franquia Transformers é extremamente popular na China. Acredite, isso não é força de expressão, já que a versão cinematográfica da eterna disputa entre Autobots e Decepticons se tornou um verdadeiro fenômeno social entre os cidadãos chineses. O trabalho hollywoodiano de Michael Bay com a série é bastante criticado pelo conteúdo raso de cada episódio, mas isso não evitou que um fazendeiro do país asiático e seu filho se inspirassem nos robôs para tirar seu sustento – fazendo uma bela grana com isso.

De origem humilde, Yu Zhilin, da cidade de Zhangmu, viu uma oportunidade de negócios única quando os longa-metragens dos Transformers começaram a fazer sucesso na China. Deixando de lado o trabalho na fazenda, mas sem esquecer sua habilidade com trabalhos manuais, Zhilin aproveitou o acesso fácil a uma fábrica abandonada, garimpou peças usadas de carros e se baseou em figuras baixadas da internet para começar a fazer seu próprio império de robôs. Pode até parecer algo digno de um roteiro de cinema, mas foi só o início de uma saga real.

Apesar disso, não pense que foi uma jornada fácil. Então, esqueça aquela história de sair para comprar um carro usado e acabar se tornando o dono de um alienígena robótico que se comunica através do rádio, ok? Yu Zhilin e seu filho precisaram ralar bastante e levaram cerca de três anos para completar seu primeiro modelo, o que mostra que o nível de dedicação deles na empreitada. Porém, a experiência parece ter sido um belo aprendizado, já que agora a dupla tira de letra a montagens dos robôs, produzindo várias unidades simultaneamente.

A tendência é crescer!

Pelo jeito, o ex-fazendeiro teve um faro certeiro, uma vez que o último capítulo da franquia, “Transformers: A Era da Extinção”, foi o filme mais lucrativo de todos os tempos na China, e a expectativa é que o recorde seja quebrado com a quinta produção, marcada para estrear em 2016. Por conta disso, o trabalho não para, com encomendas e visitantes chegando a todo o momento, gerando cerca de 1 milhão de yuans – pouco mais de R$ 510 mil – anualmente para os cofres da família chinesa.

Um garoto e seus robôs. Parece filme, mas é de verdade!

Pela galeria de fotos disponibilizada pelo site chinês Sina, dá para ver que o trabalho deles é de qualidade, fazendo com que seja fácil imaginar a produção de máquinas vindas de outras propriedades intelectuais. Já imaginou os gigantescos robôs de Pacific Rim sendo criados com itens de ferro-velho? E o Metal Gear REX, vindo diretamente dos video games, interessa? Pessoalmente, ainda prefiro que eles façam a versão clássica do Starscream – do antigo desenho dos Transformer – em escala real. Será que é pedir muito?

Não esqueça de deixar sua opinião sobre a matéria mais abaixo e diga também que personagens gostaria de ver sendo construído pelo habilidoso Zhilin e seu filho.

Cupons de desconto TecMundo: