Artistas usam metais extraídos de eletrônicos em obra curiosa

1 min de leitura
Imagem de: Artistas usam metais extraídos de eletrônicos em obra curiosa
Avatar do autor

Você já viu uma grande quantidade de notícias mostrando que há muitos metais preciosos no interior dos seus smartphones, tablets, televisores, computadores e outros equipamentos eletrônicos. É claro que isso não é o suficiente para fazer um anel de noivado, mas em larga escala é possível conseguir uma grande quantidade de cada um dos minerais existentes nos aparelhos.

Para provar isso, Revital Cohen e Tuur Van Balen — dois artistas de Londres — criaram uma peça chamada “H / AlCuTaAu”, juntando elementos encontrados no interior de uma série de equipamentos — computadores, placas-mãe, fontes, coolers, transmissores de rádio, smartphones, furadeiras, teclados e monitores. Na instalação artística, eles deixaram não apenas os metais preciosos em exposição, mas também os aparelhos de onde foram tiradas as pedras.

Toda a extração foi feita por meio de um processo que eles mesmos chamam de “engenharia reversa”. Depois de tudo isso foi realizada a montagem da peça principal de toda a obra. Trata-se de um construto que utiliza ouro, cobre, tântalo, alumínio e pedra de amolar. E é por causa dos elementos químicos utilizados que a instalação se chama  “H AlCuTaAu”. O que você achou do projeto dos artistas londrinos?

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Artistas usam metais extraídos de eletrônicos em obra curiosa