(Fonte da imagem: Reprodução/Engadget)

Pense nos gráficos que você consegue obter hoje em seus smartphones e tablets. É claro que eles estão muito longe de serem ruins, mas ainda não são o que os jogadores de video games de console estão acostumados – pelo menos por enquanto. A ARM publicou uma nota oficial contando que as próximas gerações de processadores portáteis serão muito mais potentes, conseguindo até 50% mais capacidade gráfica do que o máximo obtido atualmente.

O smartphone mais potente da atualidade é o Samsung Galaxy S3, que utiliza o processador gráfico Mali 400. E a próxima geração das GPUs poderá ter até oito núcleos de processamento. Com isso, há a possibilidade de que, em breve, os jogos portáteis possam ter gráficos similares aos dos video games mais potentes. Outra possibilidade impressionante está na reprodução de vídeos, que poderá chegar à resolução 8 K.

(Fonte da imagem: Reprodução/Engadget)

Como sempre acontece nesse tipo de anúncio, a ARM divulgou também alguns dados relacionados ao consumo de energia elétrica das novas GPUs. Segundo a fabricante, os próximos processadores Mali não terão consumo maior do que os atuais, o que deve garantir a mesma autonomia de bateria, com muito mais potência gráfica.

Entre as principais possibilidades que devem ser oferecidas pelo novo sistema estão a fotografia computacional (um método de captura de fotografias que melhora a qualidade delas graças às amplas capacidades de processamento) e a edição de imagens em tempo real (conseguida pelo alto desempenho multitarefas dos aparelhos). Ainda não há informações sobre quando a tecnologia será liberada para os consumidores.

Fonte: Engadget

Cupons de desconto TecMundo: