A Google está atualizando seu aplicativo de lembretes, notas e listas. Para melhorar sua capacidade de organização, o usuário agora tem a opção de definir etiquetas para cada uma de suas notas. Três tags já existem por padrão: Inspiração, Pessoal e Trabalho. Também é possível criar outras etiquetas personalizadas. Você pode definir mais de uma tag por nota, e, ao clicar em uma delas, apenas as notas marcadas com aquela etiqueta vão ser mostradas.

Além dessa função, o Google Keep agora permite que você configure lembretes recorrentes, ao contrário do que acontecia antes, quando só era possível definir um alarme unitário para uma nota. Com essas alterações, você pode definir um lembrete com repetição diária, semanal, mensal, anual e personalizada.

Comunicando-se com um irmão da família Google

Para facilitar a edição de notas, a terceira melhoria feita pela Google no Keep é a opção de abrir uma nota ou lista diretamente no Google Docs. É uma função prática para quem deseja expandir uma ideia inicialmente esboçada numa nota do Keep. Uma lista de convidados, por exemplo, feita como rascunho no aplicativo, pode virar uma lista mais detalhada quando você a exportar para o Docs e usar as funcionalidades mais complexas dessa aplicação para editá-la.

Tudo isso está sendo implantado gradativamente no Google Keep, que pode ser acessado pelo Google Play ou pelo navegador. Nada disso pode ser considerado muito inovador, mas são essas funções simples que fazem desse um dos melhores aplicativos para fazer anotações rápidas.

Cupons de desconto TecMundo: