Há cerca de três meses, foi divulgado que hackers que conheciam bem o iOS conseguiam utilizar brechas de segurança em diversos apps para o sistema para coletar informações pessoais dos usuários. Agora estamos em maio, muito tempo já se passou, mas nem tudo foi consertado.

De acordo com Will Strafach, da Sudo Security Group, 76 apps apresentavam falhas nas quais hackers podiam interceptar dados entre os dois lados da comunicação (servidores e usuários). Entre eles, estavam o HipChat e o Foxit PDF Reader para iOS, que já tiveram atualizações para consertar o problema.

Porém, grande parte dos 76 utilitários ainda não arrumou o vazamento de dados por login, e isso inclui softwares de bancos, de serviços médicos e navegação de internet. A pior parte é que, por se tratar de algo já conhecido há meses, é praticamente inaceitável que ainda não tenha sido resolvido. Não há previsão nenhuma para atualizações que consertem isso, e Will Strafach não recomenda que usuários utilizem redes WiFi públicas e sempre priorizem os planos móveis.

Cupons de desconto TecMundo: