Três estudantes de engenharia, uma médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e dois profissionais freelancer. É essa a equipe por trás do Safety, um aplicativo brasileiro que tem como objetivo reduzir o número de mortes por acidentes no trânsito em todo o país. Uma vez instalado no celular do motorista, o programa é capaz de detectar colisões e convocar, de forma autônoma, uma ambulância até o local do desastre.

Pode até parecer bruxaria, mas é pura tecnologia. De acordo com Bruno Granzoto, cofundador da Safe Ride Brasil (startup por trás do invento), o software utiliza o GPS e o acelerômetro do celular para perceber uma desaceleração violenta do veículo e pressupor que houve uma batida. Logo em seguida, o app realiza uma ligação gratuita para o resgate médico, solicitando uma ambulância e enviando o histórico médico da vítima.

“Não há como o Safety confundir uma frenagem brusca ou uma simples queda do smartphone com um acidente de trânsito real. A ordem de grandeza da desaceleração é bem diferente”, afirma Bruno. “Sem falar que, em uma colisão, a força da gravidade é sentida no eixo horizontal, enquanto em uma queda essa força é sentida na vertical”, completa. Atualmente, o Safety está sendo testado junto ao SAMU de uma cidade no interior de São Paulo, e deve ser disponibilizado para download público em duas semanas.

Tecnologia salvando vidas

Por utilizar sensores comumente utilizados em qualquer smartphone, o programa (que será totalmente gratuito) poderá abranger um público bem vasto. De início, ele estará disponível somente para dispositivos equipados com o sistema operacional Android; por conta da maior complexidade em se projetar um app para tal SO, a edição para iOS ainda vai demorar um pouquinho para chegar, destaca Bruno.

Mais de 42 mil pessoas morrem em decorrência de acidentes de trânsito no Brasil a cada ano

O mais bacana é que, uma vez ativo, o Safety coleta dados anonimamente dados como velocidade média e aceleração para determinar pontos perigosos na cidade e criar um mapa de calor que indique as regiões mais propensas a sofrer com acidentes. Com esses dados em mãos, a Safe Ride Brasil acredita que os gestores públicos poderão aplicar melhorias na infraestrutura do local, diminuindo os riscos para pilotos, passageiros e pedestres.

Embora o executivo não saiba estimar a porcentagem de fatalidades que podem ser evitadas graças a esse sistema, ele ressalta que mais de 40 mil pessoas morrem em decorrência de acidentes de trânsito no Brasil a cada ano, e uma resposta mais ágil por parte das equipes de socorristas pode reduzir drasticamente esse número. Caso se interesse, você pode colaborar com a campanha de financiamento coletivo do app através deste link.

Cupons de desconto TecMundo: