A Apple está sendo processada nos EUA por uma consumidora que abandonou o iOS e, repentinamente, deixou de receber SMS de pessoas que ainda estavam utilizando a plataforma da Maçã. O processo é referente a um bug do iMessage, conhecido há anos, que impede o envio de mensagens para contatos que mudam de plataforma depois de registrados no serviço da Apple.

Isso acontece porque o iMessage tem um mecanismo automático que identifica se os números de telefone da sua agenda estão ou não sendo utilizados via iPhone. Se sim, a comunicação entre você e essas pessoas acontece via internet, como no WhatsApp, o que evita o uso desnecessário do plano de SMS. Mas se você um dia esteve com seu número em um iPhone utilizando o iMessage e, por alguma razão, está usando um aparelho Android, o cadastro da Apple continua dizendo que você tem iMessage. Esse problema impede os iPhones de enviar SMS, uma vez que o padrão é mandar mensagens via internet para quem tem serviço compatível.

Pior do que o problema existir é o fato de não haver nenhuma maneira de consertá-lo. O suporte da Apple aconselha os usuários a deletar os contatos problemáticos e criar novos. Isso, entretanto, não resolve o problema de todo mundo e a empresa não se interessa e corrigir a falha. Por conta disso, a consumidora processa a empresa, alegando concorrência desleal.

Não há informações sobre o status da ação, mas ela parece ter acabado de iniciar. Sendo assim, poderemos ouvir mais detalhes sobre essa situação em breve.

Cupons de desconto TecMundo: