Ao contrário do que acontece com outros dispositivos da Companhia da Maçã, o Apple Watch está sendo distribuído de forma um tanto lenta ao redor do mundo. Após passar o mês de agosto sem chegar a nenhum novo mercado, o produto deve chegar amanhã à Bélgica de forma oficial.

Embora ainda não haja uma data concreta para o produto chegar ao Brasil, há indícios de que isso não deve demorar muito. Segundo informações obtidas pelo MacMagazine, duas Apple Retail Stores do país já finalizaram o treinamento de seus funcionários e estão prontas para lançar o novo dispositivo — o que inclui materiais de demonstração, mesas de exposição e estoques inicias.

Conforme o esperado, o preço do Apple Watch deve ser um tanto salgado graças à disparada do Dólar nos últimos meses. As versões de 38 mm e 42 mm da edição esportiva devem custar, respectivamente, R$ 2.699 e R$ 2.999, enquanto os modelos de aço inoxidável ficam em R$ 3.899 e R$ 4.299.

Apple Watch Edition e custo das pulseiras

Já a linha Apple Watch Edition deve ficar restrita a poucos endinheirados que devem ter o suficiente para pagar a viagem para outros países onde o produto é mais acessível. A versão de 38 mm na cor ouro rosado deve custar R$ 110 mil, suficiente para um ótimo automóvel ou para uma bela entrada em um apartamento muito bem posicionado, entre outros investimentos mais interessantes.

Por fim, a Apple deve vender as pulseiras avulsas compatíveis com o relógio inteligente por preços que vão de R$ 329 a R$ 4.299 dependendo do modelo escolhido. A previsão é a de que as vendas online do produto sejam iniciadas a partir do momento em que ele estiver disponível nas poucas lojas físicas oficiais da empresa no país.

Cupons de desconto TecMundo: