(Fonte da imagem: Reprodução/Bluebus Amazonaws)

A empresa de análise do mercado de apps Fiksu percebeu mudanças no sistema de ranking da App Store e divulgou o resultado de uma pesquisa realizada dentro do portal no último mês.

De acordo com a Fiksu, há duas modificações importantes na loja da Apple: a primeira é que a avaliação dos usuários sobre os aplicativos passou a influenciar as posições nas listas de ranking, e a segunda é que o tempo de atualização dos dados dessas listas, que era a cada 15 minutos, ocorre agora a cada 3 horas.

Essas novidades podem indicar uma antecipação de tendências do mercado de apps por parte da Apple. Ainda que não tenha se pronunciado sobre o assunto, a empresa pode estar preparando a App Store para o lançamento do novo iOS e dos novos aparelhos iPhone – que chegam em setembro –, que podem impactar o volume de downloads na loja.

A sua opinião é importante para a App Store

A classificação de aplicativos nos chamados Top Charts de destaques na App Store levavam em conta, até então, apenas dois fatores: a quantidade de downloads e a velocidade (ou frequência) com que eles aconteciam.

Porém, isso permitia que certos apps mal-intencionados aparecessem nas listas de ranking sem o devido mérito – em alguns casos, empresas usavam programas robôs para realizar downloads falsos e fazer com que aplicativos subissem no ranking da loja, ganhando destaque.

Para evitar esses resultados manipulados, a Apple estaria testando um algoritmo que considera a opinião dos usuários nas avaliações dos aplicativos. Dessa forma, jogos e programas muito criticados, que não cumprem o que prometem ou que apresentam falhas começam a ficar de fora dos Top Charts da loja.

Para provar a existência desse novo algoritmo, a empresa Fiksu acompanhou o ranking de aplicativos entre julho e agosto e pôde notar a influência das avaliações dos usuários no posicionamento dos apps nas listas de destaques e de categorias.

No quadro abaixo, a Fiksu mostra como a crítica ruim tirou aplicativos do topo do ranking, enquanto outros mais bem avaliados subiram de posições ao longo do tempo, mesmo tendo, entre eles, um número constante de downloads.

Ampliar (Fonte da imagem: Reprodução/Fiksu)

A outra mudança significativa no sistema da App Store é referente ao tempo de atualização das listas, que passa a ocorrer a cada 3 horas. Essa pode ser uma maneira de impedir que aplicativos novos ganhem muito destaque logo ao serem lançados, apenas pelo calor do momento e pela empolgação dos usuários conectados.

Com um intervalo maior na apuração dos dados, é possível também perceber melhor quando um app está sendo impulsionado por robôs e por downloads falsos.

Como isso altera o resultado?

Os novos algoritmos mostram que a Apple quer oferecer sempre os melhores aplicativos aos seus clientes e evitar a sugestão de apps defeituosos e mal-intencionados. Isso vai obrigar também que os desenvolvedores tenham um maior cuidado para corrigir falhas e atender às críticas dos usuários, antes que seus jogos e programas recebam muitas avaliações ruins na App Store.

Não é certo se as novidades no sistema de ranking da loja são permanentes, nem mesmo se a Apple planeja outras mudanças para o lançamento do novo iOS em setembro. Seja como for, é interessante notar que a implementação desses novos fatores só aumenta a oferta de produtos de qualidade nos Top Charts, creditando maior confiança aos downloads feitos pela App Store e promovendo a participação ativa dos usuários.

Cupons de desconto TecMundo: