Na semana passada, o Tecmundo noticiou que a Symantec, empresa por trás do antivírus Norton, teve códigos fonte sigilosos roubados em um ataque hacker em 2006. Agora, a companhia — que está entre os maiores nomes de segurança digital no mundo — revelou que seus técnicos não conseguiam dizer se algo realmente foi roubado na ocasião.

Em seu primeiro comunicado, a Symantec dizia que os hackers apenas tiveram acesso a códigos que já tinham mais de cinco anos de idade, na pior das hipóteses. Porém, um email de um porta-voz da empresa enviado ao site Wired revelou: “Nós sabíamos que houve um incidente ainda em 2006, mas era difícil dizer naquela época se códigos fonte foram roubados”.

Cupons de desconto TecMundo: