Quem está por dentro dos termos que foram surgindo no mundo virtual, deve saber que Phishing é o nome dado a um tipo específico de fraude online, em que os criminosos tentam iscar os usuários com avisos falsos de problemas bancários e situações semelhantes.

A idéia é fazer com que os mais incautos ofereçam dados pessoais e bancários sem saberem que estão sendo enganados, permitindo que os bandidos façam mal uso das informações, em especial pela Internet, onde bastam algumas delas para poder usar o cartão da maneira que quiser. O pior de tudo é que, em muitos casos, não adianta ter bons softwares antivírus para se livrar do phishing.

A criatividade dos criminosos não acaba nunca...

Além de tentar aplicar este tipo de golpe online, fazendo uso de e-mails e sites falsos para tentar enganar os usuários, agora os criminosos estão usando outros meios de tentar arrancar informações de clientes de bancos. O termo é chamado de Voice Phishing, e o meio de ataque é o telefone.

Cuidado com o “Vishing”

No Voice Phishing, também apelidado de Vishing, você em geral receberá uma ligação explicando que uma transação bancária sua não foi bem sucedida, ou que você tem problemas com alguns dados, além de qualquer outra mentira que torne possível a coleta dos seus dados.

Em quase todas as ocasiões, o falso atendente indica um número de atendimento para você ligar e resolver o problema. Então é requerido que você digite o número do seu cartão, informe seus dados pessoais e inclusive o código de segurança de três dígitos contido no verso dele, informações suficientes para qualquer um realizar compras e outras transações pela Internet com os seus dados.

Como se proteger?

Todos os bancos contam com números exclusivos de atendimento ao seu usuário. Portanto, jamais ligue para um número indicado por um suposto atendente, e, se possível, tenha um identificador de chamadas em casa, o que logo de cara pode tornar a identificação da fraude ainda mais fácil.

Desta forma, sempre que você for avisado de algum problema com um de seus cartões, disque o número de atendimento presente no verso deles, evitando oferecer seus dados bancários para um número qualquer, e confirmando se o problema apontado realmente existe.

Se você conseguiu identificar o número do telefone que realizou a ligação para você, passe-o imediatamente para as autoridades de sua região. Assim, eles podem tentar rastrear o grupo de criminosos o mais rápido possível, evitando que novas vítimas sejam feitas com o golpe.

Sempre alerta

Nos dias de hoje, é cada vez mais comum o número de pessoas de má índole que tentam se aproveitar da falta de cuidado de alguns para ganhar dinheiro. Tanto na “vida real” quanto na Internet, é preciso ter muito cuidado com seus dados pessoais e bancários, o alvo principal dos criminosos.

Desconfie sempre de qualquer ligação em que estes dados estejam envolvidos, já que, em muitos casos, apenas alguns deles são suficientes para que os bandidos consigam realizar compras e transferências com o seu cartão pela Internet.

No mundo online tudo funciona da mesma forma. Avisos do seu banco, pedindo quaisquer confirmações cadastrais, alertas de transações mal sucedidas e diversas outras situações devem ser tratadas com cautela. Para mais informações sobre o Phishing e outras fraudes virtuais, acesse este link e saiba como se prevenir dos ataques!

Cupons de desconto TecMundo: