Que os aplicativos para celular constantemente fazem comunicação entre servidores na nuvem em segundo plano você até poderia já saber. A novidade é que isso é mais frequente, secreto e consumidor de bateria do que você poderia imaginar.

De acordo com um estudo descoberto pelo site ZDNet, 63% das comunicações externas feitas pelos apps gratuitos mais populares do Android não tem qualquer efeito na funcionalidade observável pelo usuário — ou seja, não são traduzidos em melhoria de desempenho para você, sendo úteis apenas para os desenvolvedores e responsáveis.

Cerca de 500 apps foram testados. Quando os tais canais de comunicação com servidores de fora do celular eram cortados, não foram detectadas mudanças no desempenho do serviço, sendo que o celular parou de ter tanta energia consumida. Outro problema? Até 46% dessas trocas de informação são encobertas e coletam dados sobre o que você faz e acessa.

Qual o problema?

A grande crítica é, na verdade, um questionamento. "Por que os apps estabeleceriam canais de comunicação encobertos que oferecem zero benefícios ao usuário e expõem eles a riscos de privacidade, sugam banda e drenam a bateria?", diz o site.

Segundo Julia Rubin, uma das autoras do artigo, o problema não é que essas comunicações são erradas e devem ser eliminadas. Elas até podem ter um propósito, mas ele precisa ser informado e esclarecido para o consumidor. Por enquanto, a Google não se pronunciou sobre o estudo.

O artigo completo em inglês pode ser conferido aqui.

Como verificar a saúde da bateria de seu Android? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: