Não importa quão novo e potente seja seu smartphone: com o tempo, você começa a notar que os aplicativos ficam mais lentos na hora de abri-los, além de conferir diversos tipos de lags entre tocar em um botão e a resposta dele. Ou seja, ele vai ficar mais devagar cedo ou tarde, independente das suas ações ou expectativas.

Felizmente, algumas técnicas simples podem reduzir o problema. Mas antes de tudo, vamos fazer uma avaliação do que está acontecendo para poder direcionar os esforços no que realmente está atrapalhando o funcionamento do smartphone.

Identificando o problema

A primeira coisa que precisa ser feita é chegar à raiz do problema: um aplicativo, vários aplicativos ou o sistema em si? Para obter uma análise decente, você pode baixar o aplicativo Trepn Profiler, desenvolvido pela Qualcomm, capaz de mostrar em tempo real o desempenho de cada processador, do GPU, do tráfego de internet (data e WiFi), e do uso de RAM.

Trepn Profiler é capaz de produzir informações sobre todo o sistema ou apenas sobre aplicativos específicos, fornecendo um panorama mais amplo ou abrangente dependendo da investigação que você deseja fazer. Você pode salvar perfis de informações para visualizar e analisar a performance do seu aparelho e dos programas mesmo offline.

Deletando aplicativos

Todas aquelas fotos que você tira e todos os aplicativos que você instala em seu aparelho podem ser os grandes responsáveis pela lentidão do dispositivo. Seu smartphone precisa de espaço para conseguir trabalhar com mais eficiência, então, se você tem poucos megas ou gigas disponíveis, as coisas podem ficar mais complicadas.

Verifique a quantidade de espaço que você deixou livre no menu de configurações , tocando em armazenamento. Uma das formas de liberar espaço é acessar o menu de aplicativos e classificá-los por ordem de tamanho. Assim, você poderá verificar quais são os programas mais espaçosos.

Se você viu algum aplicativo na lista que não precisa mais, toque em cima dele e depois em desinstalar. Você pode repetir o processo quantas vezes achar necessários para eliminar todos aqueles programas que não tem mais serventia para você.

Downloads e cache

Há outras maneiras que você pode liberar espaço também. Os arquivos que você baixou, provavelmente, ainda estão armazenados dentro do aparelho e podem ser removidos. Para isso, basta tocar em "Downloads" e depois no ícone de lixeira para escolher aqueles que você não quer mais.

Em uma tentativa de acelerar as operações dentro do aparelho, muitos dos aplicativos que você usa armazenam dados de caches. Isto é eficaz até um certo ponto, mas se você está com falta de espaço, eles podem realmente ser contra produtivos.  Para eliminá-los, basta tocar na opção dentro do menu "Armazenamento".

Lembrando que também é possível eliminar esse tipo de conteúdo através de programas como o CCleaner,  Dr. Clean, Clean Master, DU Speed Booster e muitos outros. Eles vasculham seu dispositivo para encontrar tudo o que é desnecessário e realizam a limpeza geralmente com um só botão. 

Arquivos diversos e bloatware

Outros arquivos podem ser encontrados e deletados na seção de “Arquivos diversos”. Para excluí-los, basta marcar todas as caixas ao lado de qualquer tipo de arquivo que você deseja remover - backups, arquivos que foram recebidos via Bluetooth, arquivos de lista de reprodução, e assim por diante - e, em seguida, tocar em excluir.

Você também pode desabilitar os aplicativos que vieram pré-carregados no seu telefone (os famosos "bloatwares"), caso não os use muito. Se você tiver feito o root no seu Android, também é possível deletá-los através de programas específicos, como o Titanium Backup.

Caso este não seja o seu caso, ainda é possível acessar as propriedades de aplicativos e desativar o programa, impedindo sua execução e evitando que ele use os recursos do seu telefone.

Você ainda pode fazer a limpa nas suas fotos e vídeos manualmente, deletando tudo o que for desnecessário. Uma solução prática é manter todas as suas imagens na nuvem, com o uso do Google Photos, do Dropbox ou até mesmo do Facebook

Se livre dos widgets

Todos aqueles widgets que estão sendo executados em sua tela inicial podem ser úteis, mas eles também são capazes de sugar a bateria e os rcursos do smartphone. Por isso, livre-se deles, caso os recursos não sejam realmente necessários.

Não há mal algum em manter determinados widgets ativos, mas é preciso saber dosar a quantidade para não comprometer com o desempenho do seu celular. Neste caso, basta ser um pouco seletivo.

Animações e extras

Os launchers costumam oferecer grande poder de visualização, fazendo alterações de estética e de animação no seu aparelho. Mas dependendo do laucher que você está usando, essas alterações podem ser muito grandes, tornando o sistema pesado, o que consequentemente vai afetar o desempenho, além de drenar a bateria do dispositivo.

Verifique nas configurações do seu launcher para ver se há uma maneira de desativar qualquer um desses extras desnecessários, para que seu aparelho obtenha um aumento de velocidade. É a velha questão dos gráficos contra o desempenho.

Feche os aplicativos e liberar RAM

Trabalhar com vários aplicativos ao mesmo tempo é muito mais prático, mas  isso também pode causar um impacto sério no desempenho. Você pode rapidamente fechar quaisquer aplicativos que você não usa mais, acionando a lista de aplicativos em execução para melhorar o desempenho.

Para isso, pressione o botão home e segure-o por alguns segundos até que a lista apareça na tela. Em seguida, deslize o dedo horizontalmente sobre os aplicativos que você deseja fechar, ou toque em apagar tudo para interromper todos os programas ao mesmo tempo.

Ainda nesta opção, toque em Gerenciador de Tarefas para verificar os aplicativos que estão comendo com a memória RAM do aparelho e o uso do CPU. Toque no botão Limpar memória e quaisquer processos de fundo que estão em execução desnecessariamente será encerrada.

Reinicie o seu dispositivo

Uma solução rápida e simples para um dispositivo lento é simplesmente reiniciá-lo. Isso pode limpar o cache, interromper tarefas desnecessárias em execução, e fazer as coisas funcionarem sem problemas novamente. Basta segurar o botão de energia por alguns segundos, selecione a opção Reiniciar, e depois tocar em OK para confirmar.

Opções extras

Não esqueça que você também pode manter o controle sobre os aplicativos que usam muita bateria. Para isso, acesse o menu Configurações e depois toque em Bateria. Você também pode monitorar o uso da memória RAM em Configurações > Aplicativos (ou App Manager, dependendo da sua marca de telefone).

Há até mesmo opções mais avançadas no menu Processo de Estatísticas em Opções de Desenvolvimento – se você não tem essa configuração ativada, vá para Configurações > Sobre Telefone e toque em “número de compilação” sete vezes até que surge uma notificação.

Cupons de desconto TecMundo: