A Google realmente está tomando as devidas medidas para fazer com que o Android se popularize cada vez mais ao redor do mundo. Pensando nisso, foi anunciado no evento Google I/O 2014 o projeto Android One, capaz de ajudar os fabricantes no momento da elaboração de seus smartphones ao disponibilizar modelos de hardware que sejam considerados um referencial de construção. O público? Os mercados emergentes.

Essas referências supostamente ajudarão os fabricantes no processo de fabricação dos smartphones, tornando todo o processo mais barato e mesmo assim com um alto grau de qualidade. Todos os modelos de hardware pré-disponibilizados contarão com o Android e também receberão atualizações automáticas assim que elas forem liberadas. Mesmo assim, os fabricantes individuais poderão adicionar os seus próprios aplicativos nos sistemas, personalizando-os como desejado.

Um exemplo de como pode o estilo das configurações dos aparelhos auxiliados pela iniciativa é o modelo da Micromax, que possui um visor de 4,5 polegadas, suportes de dois chips, um espaço para card SD e FM Rádio. De acordo com a Google, o smartphone deve custar menos de US$ 100. As empresas Karbonn Mobile e Spice Mobile também fabricarão smartphones com base nas referências do Android One. O projeto começará na Índia no final do ano.

Cupons de desconto TecMundo: